] Da Unimes (Santos-SP)


Websites Para Criar Cartões De Visitas Sem custo Online Muito rapidamente


Antes de se transformar pela casa dos seus sonhos, o imóvel - mesmo que seja novo - vai ter de ir por uma reforma. Pra ter o efeito mais próximo possível do imaginado, um ciclo crítica é a da contratação da mão de obra. Afinal, nem sequer os melhores instrumentos resistem a profissionais mal qualificados.


Como fazer para escolher o pessoal certo e não ter aquelas dores de cabeça típicas de obras, como atrasos, sumiços de trabalhadores, estouro de orçamento, sem apresentar em serviços mal feitos. Desta forma, da contratação do arquiteto à do pedreiro, é preciso muito cuidado. De acordo com os entrevistados na reportagem do UOL, a melhor maneira de descobrir bons profissionais para uma reforma é no “boca a boca”, de forma informal. “As referências de mão de obra são adquiridas informalmente mesmo.


Procure discursar com os vizinhos e conhecidos a respeito de os serviços anteriores prestados e peça os contatos”, declara Haruo Ishikawa, vice-presidente de relações capital-serviço do Sinduscon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo). É razoável que se pergunte pra amigos e outras pessoas do mesmo prédio que tenham exercido reformas a respeito da recomendação de profissionais.


Também é possível descobrir profissionais de construção civil pela web e em guias (como as páginas amarelas). A carteira de serviço destes profissionais indicará tua profissão, contudo o melhor é comprar referências dos profissionais com corporações ou pessoas para as quais de imediato tenham prestado serviço. Vale a pena também visitar uma obra que o profissional tenha executado, e observar se a o trabalho foi feito com capricho.

  • UOL Esporte vê Tv
  • Como fazer seu texto, imagens e design geral funcionar para dispositivos móveis
  • Quanto tempo terei acessível
  • 3 colheres de sopa de quinoa em flocos

É interessante que o comprador seja amigável e simpático com o pessoal da mão de obra, o que torna o lugar melhor no decorrer da efetivação da reforma. Converse a respeito do serviço e comente o que espera do efeito desfecho. Lide com os funcionários a todo o momento por intervenção de um líder e com educação.


Quem dá bronca à toa termina sem autoridade. “Sempre trate o profissional com respeito e educação. Fiscalizar os serviços e comandar com educação não importuna o profissional”, diz o engenheiro Rafael Queiroz. Explique com cuidado por causa de é essencial tomar cuidado com estabelecidas tarefas. O exercício de gírias e de uma maneira de se expressar mais informal, como "fornece um talento especial pela pintura desse forro" são comuns e bem compreendidos pelas equipes.


Se estiver preocupado com um período, vale combinar uma “caixinha” e pedir a efetivação antecipada. Pequenas gratificações são bem-vindas entre os profissionais, todavia não exagere. O professor do Senai, Luiz Roberto Gasparetto, aconselha a contratação do profissional por valor íntegro e alinhado ao praticados por profissionais qualificados que atuam no mercado.


O arquiteto Fernando Forte, do escritório FGMF, fornece uma dica a respeito da contratação para reformas. “Infelizmente, no Brasil a mão de obra da construção civil é muito insuficiente especializada. Entretanto, insista pela pesquisa por profissionais que tenham alguma especialidade”. Uma vez iniciada a obra, o morador tem que fazer o máximo de visitas possível e a toda a hora buscar avaliar se os diferentes profissionais estão ajeitados com o resultado término da obra. Mesmo caso exista um engenheiro ou arquiteto gerenciando o trabalho, é recomendável analisar a obra uma vez por semana. É comum que se faça um contrato formal, todavia isso depende muito do tipo de profissional e dos valores envolvidos.


Se optarem pelo contrato, freguês e profissionais necessitam estabelecer prazos de efetivação, datas de pagamentos (sempre vinculadas à entrega de alguma fase do trabalho), valores, explicação do escopo, responsabilidades (como responder às normas e executar com propriedade) e garantias. No momento em que se trata de pequenas reformas, é incomum que se necessite marcar algum tipo de contrato em cartório.


Por esse caso, o menos difícil é controlar os pagamentos de acordo com as etapas concluídas do trabalho. O coordenador técnico da Universidade Senai de Construção Civil, Luiz Roberto Gasparetto, aconselha começar um contrato de prestação de serviço com identificação do prestador e tomador de serviços. “Procure esclarecer uma proteção das duas partes envolvidas no negócio e quais são as responsabilidades de cada uma das partes, inclusive com conexão à aquisição dos equipamentos, objetos e ferramentas a serem utilizadas no decorrer da promoção do serviço”, diz.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *